segunda-feira, 30 de julho de 2007

ESPERANDO A PRIMAVERA

Não gosto de frio. O inverno é uma estação do ano no qual eu deveria me ausentar. Procurar lugares mais quentes, porque no calor é que a vida acontece.
O tremor da temperatura baixa me deixa extremamente irritado, a ponto de não conseguir identificar meus gostos. Mas isso é muito pessoal, conheço pessoas que adoram esse tempo, vibram quando chove e são mais felizes com isso. Eu particularmente, perco os sentidos, fico a divagar no tempo, na tentativa de me acolher e me tornar mais quente o possível. Me lembro dos amigos. De todos. E nenhum me aparece. Pura solidão é o inverno.
É quando sinto a realidade da vida, e percebo que não tenho ninguém. Nem a tv, nem as músicas, nem os bons papos da internet. Estou só. Eu e o frio, no verdadeiro inverno. Bem como diz a linda música da Adriana Calcanhoto, "faço tantas graças pra ninguém". Mas vou seguindo, esperando a primavera.